Ensino da Tensão Superficial na Graduação Através de Experimentos Fáceis que não Requerem Infraestrutura Laboratorial

Samantha Husmann, Elisa S. Orth

Resumo


A assimilação do conceito fundamental de tensão superficial pelos estudantes pode ser muito melhorada com a aplicação de experimentos simples, que não requerem o uso de laboratório. Assim, este artigo relata um guia experimental implementado em salas de aula de graduação, envolvendo materiais de baixo custo e fácil acesso. Inicialmente, investigou-se a flutuação de clip sobre a água e, em seguida, o formato e o número de gotas de água, álcool e uma mistura destes líquidos. Os resultados obtidos nos experimentos foram correlacionados às interações intermoleculares e, consequentemente, à tensão superficial.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20150041


Palavras-chave


Tensão superficial; experimentação no ensino; experimento em sala de aula.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online