Agentes Vesicantes

Camilla G. Colasso, Tanos C. C. Franca

Resumo


Os agentes vesicantes, embora menos tóxicos que os neurotóxicos, são igualmente letais. A mostarda de enxofre, o principal agente vesicante, foi largamente empregada durante a I Guerra Mundial, sendo responsável pelo maior número de baixas relacionadas a agentes químicos durante a guerra. Fato que rendeu a esse vesicante a alcunha de rei dos gases de guerra. Outra peculiaridade dos vesicantes, que os distingue dos demais agentes, é sua capacidade de deixar sequelas profundas em suas vítimas resultantes das temidas queimaduras químicas. Esse trabalho apresenta uma mini revisão dos aspectos históricos, das características físico-químicas, da toxicologia e dos tratamentos disponíveis atualmente contra os vesicantes.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20140044


Palavras-chave


Agentes vesicantes; mostardas; guerra química.

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online