Avaliação da Atividade Antioxidante e Fenóis Totais dos Óleos Extraídos das Sementes de Moringa oleifera Lam

Tânia Márcia Sacramento Melo

Resumo


A Moringa oleifera Lamarck é uma planta nativa da Índia, que apresenta em suas sementes e folhas uma variedade de compostos orgânicos reconhecidos pela alta capacidade antioxidante. Este trabalho teve como objetivo avaliar a atividade antioxidante in vitro de extratos e óleos das sementes e sementes/folhas da moringa. Também foi determinado o teor de compostos fenólicos totais dos extratos pelo método de Folin-Ciocalteu e avaliação da citotoxicidade para fibroblastos humanos pelo método de sulforodamina B. Os resultados mostraram que o extrato etanólico da semente apresentou maior atividade antioxidante, o teor de fenólicos totais desse extrato foi de 235,11 ± 73,49 mgEAG/g e não apresentou citotoxicidade nas concentrações testadas. O extrato etanólico de sementes de moringa possui bom potencial por possuir atividade antioxidante e baixa citotoxicidade.

Palavras-chave


Moringa oleífera Lam, atividade antioxidante, óleos, sementes



Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online