Avaliação do Emissor de Ondas Eletromagnéticas Wellan2000® como Pré-Tratamento de Unidade de Osmose Reversa

D’Artagnam G. Nascimento Filho, Edna S. Almeida, Ricardo P. M. Santos, Marina M. de Brito, Caio O. Cavalcante, Robson S. Lima

Resumo


A osmose reversa (OR) é uma tecnologia muito utilizada em regiões onde a água disponível é salobra, como no semiárido, ilhas e regiões litorâneas. A dessalinização através de osmose reversa gera água com qualidade para o consumo humano, no entanto a operação de uma unidade de tratamento por OR possui elevado custo de operação em função da incrustação formada nas membranas, sendo imprescindível o uso de tecnologias de pré-tratamento da água para prolongar a vida útil das membranas. Este trabalho tem como objetivo testar processos integrados para tratamento de água em unidades de osmose reversa, empregando como alternativa de pré-tratamento um anel wellan2000®, emissor de ondas eletromagnéticas. Para avaliar a tecnologia, foi montada uma planta piloto para operar com água sintética que simula as condições de salinidade do semiárido. Foram realizados dois experimentos, um destes, sem qualquer pré-tratamento e outro utilizando o emissor de ondas eletromagnéticas wellan2000® como pré-tratamento. Os resultados preliminarmente obtidos apontam que houve alteração em todos os parâmetros de processo (pressão, vazão e taxa de rejeição), na análise da composição química das correntes e na autópsia da membrana indicando que o emissor de ondas eletromagnéticas influencia a formação de fouling na membrana de osmose reversa.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20160082


Palavras-chave


Osmose reversa; fouling; emissor de ondas eletromagnéticas.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online