Identificação dos Principais Ingredientes Ativos em Agrotóxicos Ilegais Apreendidos pela Polícia Federal do Brasil e Quantificação do Metsulfurom-metílico e Tebuconazol

William G. Fraga, Nancy R. da Costa, Fernanda V. Almeida, Rafaela M. Rebelo, Karina O. C. Moraes, Jaciara A. Rezende, Mário H. P. Santana, Adriano O. Maldaner

Resumo


A compilação de relatórios forenses de agrotóxicos, objetos de apreensões pela Polícia Federal no Brasil, mostrou que metsulfurom-metílico, imidacloprido, fipronil, tebuconazol, clorimurom-etílico e glifosato são os principais ingredientes ativos (IA) importados ilegalmente. Apesar destes IA não estarem entre os agrotóxicos mais comercializados no país, o alto preço das formulações correspondentes legalmente registradas pode estimular esta atividade ilegal. Com base neste estudo, amostras de agrotóxicos contrabandeados apreendidos contendo tebuconazol e metsulfurom-metílico foram analisadas quantitativamente utilizando cromatografia a gás e líquida, respectivamente. Tebuconazol, em apresentações líquidas e sólidas, apresentou concentrações concordantes com as informações dos rótulos, enquanto que a maioria das amostras de metsulfurom-metílico, rotuladas como 600 g kg-1, apresentaram concentrações mais baixas nas análises químicas (média de 337,0 g kg-1 + 2,0).

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20160043


Palavras-chave


Apreensões; Agrotóxico; Tebuconazol; Metsulfurom-metílico.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online