Efeito da Adição de Cinzas no Comportamento Térmico e Reológico do Licor Negro Resultante do Processo Kraft da CENIBRA/Belo Oriente-MG

Euler Túlio Dos Dantos, Humberto L. dos Santos, Luana D. L. Guerra, José Márcio Q. Moreira, Nariella Diniz, Fernando C. De Oliveira, Ângelo Márcio L. Denadai

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da adição de cinzas na composição e nos comportamentos térmico e reológico do licor negro (LN) do processo Kraft da CENIBRA/Belo Oriente-MG. Análises elementares por ICP mostraram elevado teor de sódio para as amostras de licor negro com cinzas (LNCC) e licor negro sem cinzas (LNSC), além da presença de elementos não processuais em quantidades significativas (Mg, Ca, Al, Fe). O poder calorífico superior (PCS) do LNSC é 7% maior do que para o LNCC, como reflexo do maior teor de matéria orgânica. As curvas de DTA e TGA mostraram que na presença de cinzas, a ebulição ocorreu a temperaturas inferiores devido à maior degradação das moléculas de lignina. Curvas de fluxo e de viscosidade (80 oC) mostraram comportamento pseudoplástico para o LNSC enquanto que para o LNCC foram observados menores valores de viscosidade e um perfil de fluxo bem mais complexo, além de maior tixotropia.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20150113


Palavras-chave


Polpação Kraft; licor negro; adição de cinzas; comportamento térmico; comportamento reológico.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online