Contextualização e experimentação: uma abordagem interdisciplinar de química e física utilizando experimentos de simulação de um motor a vapor

João Michels Cardoso, Jair Juarez João

Resumo


Professores de química e física enfrentam constantemente em sala de aula a falta de interesse por parte dos alunos. Esse fato muitas vezes está relacionado com o modo com que as aulas são ministradas, visto que, por diversas dificuldades existentes, os professores deixam de lado a contextualização não fazendo a correlação da teoria com a prática. No presente estudo verificou-se a prática docente no ensino médio, envolvendo conteúdo de termoquímica, tendo como ferramenta didática um experimento interdisciplinar de simulação de um motor a vapor. Toda abordagem foi contextualizada, sob a luz da Teoria de Ausubel. A metodologia proposta foi aplicada em 2017, cidade de Tubarão, Santa Catarina, em um colégio da rede privada. Os resultados obtidos demonstraram que, por serem ciências aplicadas, química e física devem ser trabalhadas através de uma metodologia ativa de ensino. Portanto, ensino da termoquímica de forma interdisciplinar com o estudo dos motores a vapor apresenta ganho, em termos de interesse e desempenho por parte dos discentes, em relação ao método tradicional de aulas puramente expositivas.

Palavras-chave


Termoquímica; Interdisciplinaridade; Experimentação no ensino.



Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online