O Paradoxo Ártico: Impacto das Mudanças Climáticas Sobre Rios Árticos e do Semiárido Aumentam a Exportação de Mercúrio para o Oceano

Luiz D. Lacerda, Rozane V. Marins, Francisco J. S. Dias, Talita M. Soares

Resumo


O litoral semiárido do nordeste brasileiro vem sendo afetado fortemente por alterações regionais nos usos do solo e pelas mudanças climáticas globais, resultando em diminuição do aporte continental ao mar, aumentando o tempo de residência da massa de água fluvial nas regiões estuarinas e provocando uma expansão nas áreas de manguezais. Isto por sua vez, vem aumentando a acumulação de Hg particulado nos estuários e a exportação de Hg dissolvido para o mar. Paradoxalmente, este processo é similar ao que atualmente ocorre nos rios que deságuam no Oceano Ártico, porém devido ao aumento e não à diminuição do aporte continental.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20120034


Palavras-chave


Mercúrio; estuários; biodisponibilidade; mudanças regionais e globais.

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online