PRODUÇÃO DE ETANOL DE SEGUNDA GERAÇÃO A PARTIR DE AGUAPÉ: UMA REVISÃO

Daniel de Azevedo Teixeira

Resumo


O aguapé é uma planta macrófita aquática flutuante encontrada em diversos ambientes como lagos e reservatórios de usinas hidrelétricas. O alto desenvolvimento destas plantas podem formar tapetes densos resultando em redução do oxigênio na água d diminuição da flora e fauna aquática. Os problemas ambientais ocasionados pelo aguapé e sua composição química lignocelulósica são fatores que contribuem a utilização do aguapé como fonte promissora para a produção de etanol de segunda geração. O presente estudo trata-se de uma revisão acerca da produção de biocombustíveis a partir do aguapé, bem como a sua utilização na produção de bioetanol através de diferentes tecnologias.

Palavras-chave


Eichhornia crassipes, bioetanol, pré-tratamento, biomassa, biocombustíveis

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online