Reciclagem química de pneus inservíveis: recuperação de frações líquidas via pirólise térmica e catalítica

Luiz Borges

Resumo


O aumento da geração de resíduos de pneus nas últimas décadas desperta preocupações e questionamentos sobre seu impacto no meio ambiente. O simples descarte não é mais admissível e o uso de novos processos se impõe. A reciclagem química através da pirólise dos resíduos de pneus é uma dessas alternativas, transformando o material em frações gasosas, líquidas e sólidas que podem ser integralmente reaproveitadas, inclusive na própria cadeia produtiva dos pneus. Este trabalho estuda o processo com foco na fração líquida, que pela sua caracterização tem grande potencial como fonte de matérias primas para indústria química ou como combustível. Testes preliminares com diferentes catalisadores indicam a possibilidade de direcionamento do processo para maximização de diferentes produtos.

Palavras-chave


pneus inservíveis; reciclagem química; pirólise; catálise



Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online