Eficiência de oxidação do hipoclorito comercial, eletrogerado e eletrogerado in situ

Carmem Lucia de Paiva e Silva Zanta

Resumo


No sistema de tratamento de água a cloração é a etapa mais importante, tanto no tratamento de resíduos secundários persistentes, quanto na garantia da qualidade da água em toda a rede de abastecimento. Os inconvenientes da cloração são a necessidade de transporte, armazenamento e manipulação de produtos perigosos. Nesse caso, a geração eletroquímica de hipoclorito no local diminui com vantagens esses inconvenientes. Dentro desse contexto, nesse estudo avaliou-se o poder de oxidação do hipoclorito comercial e do eletrogerado na oxidação do corante vermelho reativo 195 (VR195). Avaliou-se também, a eficiência da eletrogeração de hipoclorito in situ contendo o corante. O hipoclorito comercial apresentou eficiência menor de 49% na oxidação do VR195, possivelmente devido à presença de compostos estabilizantes presentes no produto. O processo de eletrogeração de hipoclorito seguida de oxidação do corante apresentou elevada eficiência, tendo sido observada a redução de 100% da coloração da solução quando se utilizou 2 e 3 g L-1 de NaCl. O processo de eletrogeração in situ apresentou eficiência ainda maior. Observou-se também a redução de 100% do corante, mas em tempos de reação inferiores ao processo de eletrocloração seguida de oxidação do corante. A maior eficiência do processo de eletrocloração in situ é devido à geração de outras espécies oxidantes (O3, O, OH, H2O2) que contribuem com a oxidação do corante. Para todas as reações a oxidação do corante apresentou uma cinética de primeira ordem, e os valores são apresentados e discutidos.

Palavras-chave


Cloração; Hipoclorito; Eletrocloração; Oxidação de corante

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online