Avaliação do Impacto do Cultivo de Citros sobre os Estoques de Carbono e Nitrogênio das Frações Leves da Matéria Orgânica de Solos Antrópicos (Terras Pretas de Índio) e Solos Adjacentes (Latossolos) da Amazônia Central

Ricardo Soares

Resumo


As Terras Pretas de Índio (TPI) são solos eficientes em reter grande quantidade de matéria orgânica, mas ainda são pouco conhecidas quanto aos efeitos sobre as frações físicas do solo nestes ambientes tropicais. Diante disso, o objetivo do presente estudo foi avaliar as distribuições espaciais e em profundidade das frações orgânicas leves e o estoque de carbono e nitrogênio em Latossolo Amarelo com A antrópico (TPI) comparado a um Latossolo Amarelo distrófico típico (LA), sob o mesmo cultivo de laranja Pêra Rio (Citrus sinensis (L.) Osbeck) na Costa do Laranjal, Manacapuru AM. O fracionamento físico foi determinado pelo método densimétrico, onde foram extraídas as frações leves livres e intra-agregadas em solução de iodeto de sódio. Foram realizadas análises de granulometria, fertilidade e carbono orgânico total (C) dos solos. Os resultados demonstraram que o carbono, ao se comparar TPI e LA, foi maior na TPI, tendo sido expresso também nos estoques de carbono. Finalmente, as concentrações de carbono da Fração Leve Livre foram maiores que os teores de carbono da Fração Leve Intra-agregada na TPI e no LA.

Palavras-chave


Terra Preta de Índio; Estoques de carbono e nitrogênio; Fracionamento físico da matéria orgânica; mudanças climáticas globais.



Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online