Um Modelo para Difusão Turbulenta em uma Camada Limite Atmosférica Verticalmente não Homogênea

Davidson M. Moreira, Tiziano Tirabassi, Lilian L. N. Guarieiro, Marcelo Moret

Resumo


Neste trabalho é apresentada uma solução analítica da equação de difusão turbulenta unidimensional, considerando fechamento não-Fickiano em uma camada limite atmosférica não homogênea. A presente solução é melhorada e mais consistente fisicamente na descrição da dispersão, pois inclui velocidade de queda de partículas grandes, skewness, escala de tempo Lagrangeano vertical e tempo de relaxação (difusão com velocidade finita). Analisamos a influência do termo de contragradiente, deposição seca e velocidade de queda sobre o campo de concentração de poluentes através de simulação numérica. Os resultados demonstram um exemplo da utilidade das soluções analíticas da equação de difusão-advecção.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20160087


Palavras-chave


Contragradiente; difusão turbulenta; Camada limite atmosférica; Velocidade de queda; Deposição.

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online