Cubebina: uma pequena molécula com grande potencial

Ana Paula da Rocha Pissurno, Rosangela da Silva Laurentiz

Resumo


A (-)-cubebina  é uma lignana dibenzilbutirolactolica de ocorrência em várias espécies de plantas, especialmente no gênero Piper. Embora tenha sido descoberta há mais de 150 anos, nas últimas décadas as propriedades biológicas desta molécula tem atraído a atenção de vários grupos de pesquisa. Publicações recentes obtidos a partir de bases Scopus, SciFinder e banco de dados PubMed colocaram em evidência as inúmeras atividades biológicas atribuídas a cubebina, como as atividade tripanossomicida, esquistossomicida, citotoxicidade contra linhagens de câncer, vasodilatadora, anti-histamínica e anti-inflamatória. Estes estudos demonstram o potencial farmacológico da cubebina e sua importância como material de partida para obtenção de derivados ainda mais potentes.

Palavras-chave


produto natural; disfunção eretil; propriedades biológicas



Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online