Avaliação da assinatura química dos estágios de desenvolvimento de Mischocyttarus consimilis Zikán empregando cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massas

Kamylla Balbuena Michelutti

Resumo


A função dos hidrocarbonetos epicuticulares é evitar que o inseto sofra dessecação, atuam como uma barreira contra microrganismos e também na transferência de informações entre indivíduos. O objetivo deste estudo foi avaliar a composição química epicuticular dos estágios de desenvolvimento e do material do ninho da vespa social Mischocyttarus consimilis por CG-EM. Há um aumento na complexidade da composição epicuticular durante os estágios de desenvolvimento e, no material do ninho foi identificado o maior número de compostos, sendo que estes também estavam presentes nos estágios de desenvolvimento. 

Palavras-chave


Comunicação; eussocial; CG-EM; variação intraespecífica; Feromônios

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online