Avaliação da Qualidade das Águas Subterrâneas de Belém a partir de Parâmetros Físico-Químicos e Níveis de Elementos Traço Usando Análise Multivariada

Fábio Israel M. Carvalho, Vanda P. Lemos, Heronides Adonias Dantas Filho, Kelly das Graças F. Dantas

Resumo


Amostras de águas subterrâneas foram coletadas em 17 locais de amostragem distribuídos em cinco bairros da Cidade de Belém (Estado do Pará, Brasil), em 2011, com objetivo de avaliar a qualidade das águas subterrâneas captadas em poços tubulares potencialmente utilizados para consumo humano. Para todas as amostras de águas subterrâneas foram analisados sete parâmetros físico-químicos e nove elementos traço determinados por espectrometria de absorção atômica em forno de grafite (GF AAS). A partir desses resultados e para melhor entender o comportamento físico e químico dessas águas, métodos multivariados, tais como a análise de componentes principais (PCA) e análise de agrupamento hierárquico (HCA) foram usadas para proceder a uma avaliação mais completa dos dados originais. Os parâmetros físico-químicos estudados mostraram que nas águas subterrâneas coletadas em poços tubulares nos bairros do Marco e Sacramenta foram encontrados os valores mais elevados de sólidos totais dissolvidos (140,0 a 244,5 mg L-1), condutividade elétrica (198,3 a 340,2 µS cm-1) e turbidez (1,75 a 2,75 UNT), indicando a influência de atividades antropogênicas de contaminação na região, principalmente em relação à descarga de efluentes doméstico. Nas amostras de águas subterrâneas foram encontrados níveis de 10,4 a 460,5 µg L-1 Fe, 2,0 a 35,2 µg L-1 Cu, < LOD (0,08 µg L-1) a 0,68 µg L-1 Cd, < LOD (0,02 µg L-1) a 5,7 µg L-1 Cr, < LOD (0,01 µg L-1) a 2,3 µg L-1 Ni e < LOD (0,10 µg L-1) a 13,5 µg L-1 Pb. Além disso, a PCA explicou 85,8% da variância total dos dados, enquanto a HCA confirmou as correlações encontradas na PCA, possibilitando avaliar o grau de similaridade entre as amostras e identificar os bairros mais propensos à contaminação de suas águas subterrâneas.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20150132


Palavras-chave


Água subterrânea; análise multivariada.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online