Safrol e a Versatilidade de um Biofóro Natural

Lidia M. Lima

Resumo


Safrol (1) obtido de óleos essenciais de diferentes espécies vegetais tem ampla aplicação na indústria química como precursor sintético do butóxido de piperonila, piperonal e de fármacos como a tadalafila, cinoxacina e levodopa. Do ponto vista toxicológico, é considerado uma hepatotoxina por mecanismo de bioativação metabólica conduzindo a formação de intermediários eletrofílicos, e tem sido descrito como inibidor de diferentes isoenzimas da família CYP450. A versatilidade de sua estrutura, permitindo várias transformações químicas, e a natureza biofórica de sua unidade benzodioxola ou metilenodioxifenila conferem-lhe características singulares, que o tornam atrativo material de partida para a síntese de compostos com distintas atividades farmacológicas. Exemplos selecionados de compostos bioativos, naturais e sintéticos, contendo o sistema benzodioxola serão comentados, incluindo aqueles provenientes de contribuição específica do LASSBio®.

 

DOI: 10.5935/1984-6835.20150023


Palavras-chave


Safrol; benzodioxola; metilenodioxi; CYP450; bióforo; compostos bioativos.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os coment?rios


Creative Commons License
A Revista Virtual de Química está licenciada sob as condições do Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License. Sob esta licença, a RVQ permite que seu conteúdo seja copiado, distribuído, exibido e executado desde que os devidos créditos à Revista e aos autores sejam dados. Contudo, o usuário não poderá utilizar o conteúdo com finalidades comerciais, a menos que obtenha permissão da Editoria da Revista.
Visitantes Online